Como salvar o seu orçamento dos pequenos desperdícios - FACPED
Acesso Online

Como salvar o seu orçamento dos pequenos desperdícios

Eventos em Fortaleza
17 de maio de 2016
Os 7 temperos do empreendedor de sucesso
17 de maio de 2016
Exibir Tudo

Como salvar o seu orçamento dos pequenos desperdícios

O GuiaBolso, aplicativo de finanças pessoais, mediu no primeiro trimestre de 2016 a saúde financeira do brasileiro como um todo e identificou uma piora na forma como os usuários estão lidando com seu dinheiro. A análise tomou como base as movimentações bancárias de 23 mil pessoas que usam a ferramenta.

Para ter uma situação financeira considerada “saudável”, o usuário do aplicativo precisava computar pelo menos 490 pontos e, segundo o termômetro do aplicativo, como atingiu somente 398 pontos, o brasileiro está “financeiramente doente”. E só há uma forma para tratar essa enfermidade. É necessário que os brasileiros melhorem a sua educação financeira.

O problema é que uma boa parte das pessoas acredita que precisa de grandes transformações em sua vida financeira para se “curar” e a necessidade de realizar grandes mudanças gera bastante resistência. Porém esse, na maioria das vezes, não é o único caminho.

Veja a seguir um conjunto de pequenas mudanças de hábitos que vão ajudá-lo a organizar seu orçamento e podem transformar a sua vida financeira.

– Analise o seu plano de TV por assinatura. Muitas vezes, você paga o plano completo, mas só assiste alguns canais. Uma forma interessante de mapear a utilização é anotar durante uma semana quais são os canais assistidos. Com isso, pode-se montar a grade ideal e buscar no mercado a oferta mais econômica que atenda a sua necessidade.

– Planeje suas compras no supermercado. Utilize sempre uma lista. O hábito de fazer várias compras pequenas pode aumentar a despesa doméstica, pois Em cada ida ao supermercado pode gerar um valor a mais que não estava planejado, e isso, ao final do mês, aumentará o gasto.

– Pesquise os preços dos produtos antes de ir às compras para buscar opções mais baratas. Apesar disso demandar paciência e energia, o valor economizado compensará o tempo investido.

– Acompanhe o seu gasto com telefone celular. É importante conhecer a forma como você utiliza dos serviços. Saiba qual o seu consumo médio de minutos e qual a frequência de uso de internet. O plano escolhido deve ser direcionado para a sua necessidade.

– Use o seu automóvel de forma racional. Procure evitar horários de pico, pois com o tráfego mais pesado, o consumo de combustível aumenta. Outra alternativa interessante é a utilização de aplicativos de trânsito que ajudam na definição do caminho e auxiliam na busca de trânsito menos intenso. Além de menos stress, haverá a economia no combustível gasto.

– Reflita sobre seus hábitos alimentares. Uma boa parte do orçamento pode ser gasta com alimentação fora de casa. E muitas vezes, estes gastos podem ser evitados. Ao invés de lanchar todo dia na esquina do trabalho, porque não trazer lanche de casa? Será muito bom para o seu bolso e excelente para sua saúde.

– Consuma produtos no período de safra. Os preços de frutas, legumes, hortaliças e carnes variam bastante em função da oferta.

– Procure evitar guardar muito dinheiro na carteira. Quando temos dinheiro na carteira, aumentam os pequenos gastos. Isoladamente não são significativos, mas, no montante, podem interferir bastante no orçamento.

Lembre-se: Normalmente, são os pequenos desperdícios diários não contabilizados que mais afetam nosso orçamento ao final de um período.

Planeje bons hábitos para 2016. Invista em sua educação financeira.

Carlos Eduardo Costa – Consultor do site de Educação Financeira do Mercantil do Brasil –www.mercantildobrasil.com.br/educacaofinanceira

Autor(a): Carlos Eduardo Costa
Fonte: Administradores – http://goo.gl/QCN8kL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *